Blog Mulher & Negócio liviacroce

Potencialize seus pontos fortes

Potencialize seus pontos fortes!

Se as empresas focassem mais nos pontos fortes dos funcionários teriam maior margem de lucro. E você pode potencializar sozinho também, descubra-as!

Você sabia que 20% das pessoas que trabalham em grandes empresas acham que não usam seus pontos fortes todos os dias? E ainda, que o foco das organizações é em os colaboradores melhorarem seus pontos fracos? Imagine se as empresas potencializassem a riqueza operacional de cada um, e pudesse dobrar o aumento de produtividade e rentabilidade em 40% de funcionários afirmando que todo dia tem a oportunidade de usar seus pontos fortes. Seria ótimo, né?!

E você, será que conhece seus pontos fortes? Como você tira proveito dele no seu dia a dia? Você ainda consegue aumentar isso através de prática constante?

Como reconhecer seu ponto forte?

Através da capacidade de fazer uma coisa só é um ponto forte se você consegue se imaginar fazendo aquilo repetidamente, com alegria e com êxito. (Texto extraído do livro: “Descubra seus pontos fortes”, de Buckingham e Clifton. Lembre-se: você não precisa ter pontos fortes em tudo, em todos os aspectos da sua vida, você pode e deve reconhecer seus pontos fracos e arrumar formas de melhorar esse aspecto com ajuda de outras pessoas, por exemplo. Bill Gates mesmo percebeu isso e tomou providências. Escolheu um sócio, Steve Ballmer, para dirigir a empresa, o que lhe permitiu dedicar-se ao desenvolvimento de software e redescobrir a trilha de seus pontos fortes.

Então você pode construir uma nova imagem de si mesma, mas você tem que saber que essa imagem nunca estará completa, porque terá pontos que você não é tão boa. Mas com toda certeza, você será sempre responsável por começar a agir, avaliar a repercussão e encaixar o aprendizado no lugar certo. Ninguém poderá fazer isso por você.

Nesse livro: Descubra seus pontos fortes, tem 2 ferramentas que irei apresentar pra você para construir uma vida mais produtiva reconhecendo, lapidando e praticando seus pontos fortes.

1 Talentos naturais x o que pode aprender

Você pode obter um desempenho melhor em qualquer atividade que pratique, mas a perfeição é só com o talento. Somos adaptáveis, e podemos melhorar em várias atividades, principalmente a que são importantes para nós.

Qual a diferença entre ponto forte e talento? Que papel as aptidões, o conhecimento, a experiência e a autoconsciência desempenham na criação de um ponto forte?

Veja essas definições:

Talentos: são seus padrões naturalmente recorrentes de pensamento, sentimento ou comportamento.

Conhecimento: que consiste dos fatos e lições aprendidos.

Técnicas: são os procedimentos de uma atividade.

Esses autores explicam que esses três itens combinam-se para criar seus pontos fortes.

Por exemplo, ser atraído por estranhos e gostar do desafio de estabelecer contato com eles é um talento chamado carisma, enquanto que a capacidade de construir uma rede de seguidores que o conhecem e estão sempre prontos a ajuda-los é um ponto forte.  Sendo assim, para criar esse ponto forte você aprimorou seu talento inato com técnicas e conhecimento.

Outro exemplo é a capacidade de confrontar o outro: comando, para persuadir o outro a comprar seu produto, você precisa combinar seu talento com o conhecimento do produto e certas técnicas de venda.

Em suma, seus talentos são inatos, enquanto técnicas e conhecimento são adquiridos através do aprendizado e da prática. Vamos ver no caso de vendas, por exemplo, você pode aprender a descrever as características de seus produtos (conhecimento), pode até aprender a fazer as perguntas certas, mais ou menos abertas, para trazer à tona as necessidades de cada possível cliente a fechar o negócio exatamente no momento certo e da maneira correta.

E existem vendedores “naturais” com tanto talento inato para a persuasão que conseguem vender um produto mesmo que seu conhecimento sobre ele seja limitado. Então, nunca será possível possuir um ponto forte sem o talento requerido.

Dessa forma, a chave para desenvolver um genuíno ponto forte é identificar seus talentos dominantes e depois refiná-los com conhecimento e técnicas.

 

2 Identifique seus talentos dominantes

Como descobrir seus talentos naturais? Que tal tentar uma atividade, examine com que rapidez você a faz e se consegue acrescentar macetes próprios e truques que ainda não lhe ensinaram. Observe se você se deixa absorver pela atividade a ponto de perder a noção do tempo. Se nada disso acontecer após alguns meses, tente outra atividade e observe, e depois outra. Com o passar do tempo, seus talentos dominantes se revelarão e você poderá começar a refiná-los, transformando-os num vigoroso ponto forte. Observe-se você se deixa absorver pela atividade a ponto de perder a noção do tempo.

DICAS DE COMO IDENTIFICAR SEUS PONTOS FORTES (por Roberto José Marques)

Responda para você mesmo quais são as sete coisas que considera seus pontos fortes. O que você faz; que só você faz? Você escreve bem, tem uma boa comunicação, é focado e determinado, sabe tocar algum instrumento bem, é um bom pai, é uma boa mãe? Conecte-se com as suas fortalezas, aquilo que você sabe que é bom.

Convidamos você a perceber o seu melhor, o que consegue assumir em você que você é “Fudidovisk”, incrível, sensacional… Olhe e reconheça a sua luz, seu poder… Só há uma pessoa que pode fazer isso agora: você mesmo! Caminhe o caminho, percorra a sua história. Lembre-se dos momentos que você se sentiu forte, busque nas suas memórias, você pode fazer isso.

Reconheça em que você é bom. Qual a parte mais sólida que há em você? Qual a parte de você que é incrível? Como é possível identificar os nossos pontos de melhoria se não os conhecemos, se nós passamos por cima deles o tempo todo e não colocamos a atenção neles?

O autoconhecimento nos equilibra e nos mostra como somos, permite enxergar essas partes que nos acompanha, mas precisam ser lapidadas. O autoconhecimento nos dá a chance de sermos melhores a cada dia e fase das nossas vidas. Muitas vezes, a dificuldade que temos com o externo é porque ainda não aprendemos a lidar conosco mesmo.

O ser humano tem um regulamento interior para saber lidar consigo mesmo, isso é bem parecido com um manual de instrução. Reconhecendo e fortalecendo nossos pontos fortes e transcendendo nossos pontos de melhoria, mudando de mindset e estruturando o conjunto: pensamento, intelecto, comportamento, sentimento, é certo que perceberá o quanto você é capaz de mudar a sua história para melhor.

E fica o pensamento de hoje:

Os fracos tem sorte, os fortes tem fé.

Porque eu não quero sorte, ela não é verdadeira e pode nos decepcionar, eu quero fé, ela é firme e jamais nos desampara, e quando mais precisamos, é a fé que nos sustenta.

Em meu coração, eu me revisto de fé, me cubro de esperança e me vejo forte, capaz e vencedor.

Isso tudo é sintomas de quem carrega uma fé inabalável, pois quem tem fé, agrada o coração de Deus.

Yla Fernandes

Sobre o autor | Website

Lívia Croce é Coach de Líderes e Empreendedores

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!