Blog Mulher & Negócio liviacroce

Você sabe gerir suas emoções?

Você sabe gerir suas emoções?

Com os estímulos externos e internos certos você conseguirá gerir melhor seu eu emocional, o importante é a vontade que vem de dentro de você em querer ser melhor.

 

Todo esse artigo é baseado no livro: “Gestão da Emoção” de Augusto Cury, sendo que muitos parágrafos são cópias do que ele escreveu por estar muito bom e de fácil entendimento.

 

O que é Gestão da Emoção?

É o alicerce de todos os tipos de coaching: desempenho profissional e pessoal, gestão de pessoas, gestão de carreira, inteligência financeira, otimização do tempo, construção de relacionamentos.

Sem a gestão da emoção, nenhum dos demais treinamentos tem sustentação. Sem liderar o mais rebelde, fascinante e importante dos mundos, a emoção, não é possível dar musculatura ao pensamento estratégico, à arte de negociar, à habilidade de se reinventar e ser proativo. Sem gerir a emoção, as habilidades para resolver conflitos nas empresas, nas salas de casa e de aula ficam asfixiadas.

A gestão da emoção depende da gestão do pensamento. São duas gestões que completam o gerenciamento global da mente humana ou psique. A gestão da mente depende diretamente da gestão de comportamentos que desgastam ou poupam energia cerebral.

Há muitas nações, como a nossa, que tem alguns líderes políticos e empresariais envolvidos em corrupção, e, consequentemente maculando e contaminando a sociedade. Mas nós temos que crer em nosso país, apesar desses líderes que têm a necessidade neurótica de poder. Até porque, no máximo, 0,1% das pessoas é infiel à sua consciência e se corrompe. A grande maioria é honesta, ética e generosa. Tomando o exemplo da nossa nação, o maior estrago que se fez não foi o comprometimento dessa megaempresa chamada Petrobras, mas a destruição dos sonhos no inconsciente coletivo, sobretudo da nova geração.

Cury diz que precisamos nos levantar e proclamar, dentro e fora de nós: eu acredito no meu país, eu vou crescer na crise, eu vou me reinventar para reescrever os capítulos mais nobres da minha vida, da minha carreira, da minha empresa e da minha nação nos dias mais dramáticos da minha existência. Os que se corromperam, se tiverem coragem de mapear os seus fantasmas mentais, poderão reciclar os seus erros e dar melhor de si para repará-los. Errar é humano, persistir no erro é inumano.

Ele ainda diz: “Se você aprender a gerir a emoção, você vai fazer a diferença no teatro social. Numa agrida quem é digno do pódio se não utilizar as suas lágrimas, as suas perdas e frustrações para alcança-lo. O país precisa de você e de milhões de jovens que têm uma mente livre e uma emoção saudável; seres humanos que sejam apaixonados pela sociedade e também pela humanidade”.

Resumindo, a gestão da emoção é a base de todos os treinamentos psíquicos: profissional, educacional e interpessoal. Por exemplo, uma pessoa rígida, impulsiva, tímida, fóbica, pessimista ansiosa pode bloquear seu desempenho mais do que tem consciência. Com isso, interfere-se, por exemplo, que um estudante aplicadíssimo, que sabe de cor e salteado a matéria da prova, pode não conseguir acessar todo o corpo de informações num determinado bloco de tempo em que está tenso e, desse modo, ter um péssimo rendimento. Treinar e proteger a emoção é de suma importância. Mas quem sabe protegê-la? O coaching ajuda bastante nesse processo, desde que a pessoa não tenha traumas, fobias, depressão em nível alto e alguns transtornos psíquicos que só o psicólogo pode auxiliar.

5 passos para gerir melhor suas emoções:

  1. Provocando a memória através de jogos, como xadrez, damas, cartas
  2. Estimulando a socialização através de atividades físicas
  3. Desenvolvendo o altruísmo e participando de atividades filantrópicas como um agente atuante, e não como um investidor passivo
  4. Refinando a arte de contemplar o belo
  5. Realizando atividades lúdicas e prazerosas que fomentam o sentido da vida e a motivação de viver, como reuniões, debates, escrita e pintura.

 

Ficar na frente da televisão atrofia o seu cérebro e sua capacidade cognitiva, além de interferir em sua memória e raciocínio. Desenvolvendo sua emoção com estímulos você poderá ter a mente eternamente jovem, nutrindo a curiosidade, a proatividade, a aventura, a motivação e os sonhos.

Todavia, se não cultivada ou estimulada adequadamente, a emoção pode envelhecer rapidamente, desobedecendo à cronologia. É gravíssimo que jovens com 20 anos de idade apresentem sintomas de falência emocional ou velhice intrapsíquica, como se observa hoje. Os sintomas mais comuns desse quadro são a dificuldade de tomar iniciativa, de agradecer, de se motivar, a necessidade de reclamar, de querer tudo rápido e pronto, isto é, o imediatismo no alcance das metas e o desprazer no processo para atingi-las. Há jovens com idade cronológica de 20 anos – plugados em celulares e games –  e idade emocional de 80, e indivíduos com um corpo de 80, mas com idade emocional de 20 – extremamente entusiasmados e dinâmicos. Lembre-se: uma mente ansiosa tem baixo limiar para frustrações e resiliência debilitada. E essa nova geração, inclusive nós que estamos acompanhando através, principalmente do watsapp, acabamos ficando mais ansiosos e com necessidade urgência exacerbada. Qual é a sua idade emocional?

E em quais áreas o coaching atua para o melhor desenvolvimento de sua gestão emocional?

  1. Eficiência socioprofissional
  2. Reciclagem de falsas crenças
  3. Descaracterização de paradigmas limitantes
  4. Ruptura com o cárcere do conformismo
  5. Capacidade de reinventar-se nas crises
  6. Promoção do raciocínio complexo e do pensamento estratégico
  7. Liderança e gestão de pessoas
  8. Expansão do potencial criativo
  9. Habilidade de pensar antes de reagir
  10. Empatia
  11. Carisma
  12. Relações saudáveis
  13. Formação de pensadores
  14. Fomento da resiliência
  15. Prevenção de transtornos psíquicos

Gerindo suas emoções você consegue se tornar um consumidor emocional responsável, um investidor magnífico em qualidade de vida. Esse trabalho em conjunto com o coaching ajuda você a se tornar uma pessoa mais forte, com mais projetos e sede de saber, tornando-se um ser humano mais feliz e pleno com seu propósito de vida. Se você sente em se coração que o coaching pode te fazer bem, se você realmente tem esse desejo interno de mudança, agende uma sessão, veja como é interessante os aspectos que o coaching aborda e como é bem diferente de um tratamento psicológico.

Sugestões de textos, dúvida, entre em contato através do telefone 32 98838-5355.

Na Mater Dei Lar você encontra artigos religiosos, coisas super bacanas para o lar de decoração. Além de velas coloridas e incensos! Ligue 32 98702-9902

Sobre o autor | Website

Lívia Croce é Coach de Líderes e Empreendedores

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

1 Comentário